Pré-marcação de consulta
Fale connosco
Urgências: 935 176 940
Linha Azul: 707 100 098

Casos Clínicos

Diarreia Crónica
O Boris é um Yorkshire Terrier com 7 anos que deu entrada na nossa clínica com historial de diarreia crónica não responsiva ao tratamento.

Os sinais clínicos apresentados foram diarreias, abdómen tenso, frequência respiratória e cardíaca aumentada, bem como anorexia e perda de peso.

Foram feitos então vários exames de diagnóstico como hemograma, análises bioquímicas,
radiografia e ecografia. Segundo os resultados das análises percebeu-se que o Boris apresentava um quadro de enteropatia crónica com perda de proteína que permitia acumulação de plasma sanguíneo em cavidades como tórax e abdómen.

Desta forma procedeu-se ao internamento e estabilização do Boris.
Mas o diagnóstico final só foi permitido através de biopsia intestinal, que nos confirmou a presença de Linfangiectasia Intestinal.

Esta patologia tem forte componente genético nesta raça e resulta de um aumento do calibre dos vasos linfáticos, como aumento de perdas proteicas, mal-absorção, diarreia e perda de peso.
O Boris teve então alta condicionada e manteve a terapia com antibiotico, anti-inflamatório, protector gástrico, probiótico e comida gastro-intestinal baixa em gorduras.